Buscar
  • Braulio Cruz

A Impressão 3D na Medicina Veterinária

A tecnologia de impressão 3D já não é apenas auxiliar, mas sim essencial e com impactos positivos sem precedentes no campo da medicina veterinária. A tecnologia surge como ferramenta facilitadora na criação - a partir de modelagem digital - de biomodelos, próteses e peças fundamentais na recuperação de animais que sofreram acidentes, maus tratos ou possuem algum tipo de patologia.


Além disso, a impressão 3D auxilia - tanto no meio acadêmico quanto profissional - no ensino de anatomia veterinária. Os resultados são positivos não só no campo da veterinária, mas em outras áreas da saúdem como a medicina humana e a odontologia.

A Biomodelagem é o termo que denomina a reprodução das características morfológicas de uma estrutura anatômica em um modelo físico. Este modelo físico se denomina como um Biomodelo.


O biomodelo - seja ele uma prótese por exemplo - é criado digitalmente através de softwares de modelagem e posteriormente obtido através de uma impressora 3D.


Os biomodelos são leves, resistentes e podem ser produzidos com um tipo de plástico utilizado na impressão 3D. Para saber mais sobre estes materiais, leia o artigo "Matérias-primas na Impressão 3D", disponível no site e Instagram e Facebook da Bravo.

Dentre as principais vantagens do uso da impressão 3D na medicina veterinária, está a redução de custos. Próteses importadas que chegavam a valores de até $90.000 dólares, agora são produzidas de maneira mais ágil e com qualidade superior, por menos de $500 dólares.


No pré-operatório, a impressão 3D auxilia no planejamento e estudo cirúrgico, possibilitando a prática em biomodelos impressos, que preparam para situações em pacientes reais.

"Em um futuro próximo, todas as clínicas terão uma impressora 3D dividindo espaço com um aparelho de anestesia inalatória ou ultrassom. É uma tecnologia de ponta, que certamente poderá auxiliar médicos e estudantes em vários procedimentos" (RABELLO, 2019, Universidade Federal de Uberlândia).


A tecnologia da impressão 3D também abre um universo de possibilidades no estudo e investigação de fósseis através da reprodução de réplicas perfeitas.

Dr. Rodrigo Rabello é médico veterinário, especialista em clínica médica e cirúrgica em animais silvestres, assim como em manejo de fauna. Mestre em ciências veterinárias nas áreas de anestesiologia e cirurgia em animais silvestres pela Universidade Federal de Uberlândia. Ele e sua equipe participaram, de forma pioneira no Brasil, da reconstrução integral do casco de uma Jabuti, destruído por um incêndio.

Um biomodelo de uma prótese foi então desenvolvido digitalmente em softwares de modelagem e, posteriormente, impresso em 3D para ser aplicado na cirurgia de reconstrução do caso. O procedimento foi um sucesso.

A cada dia, é constatado cientificamente os impactos positivos decorrentes da manufatura aditiva (impressão 3D) nas mais diversas áreas de atuação. Em um futuro próximo, o uso da impressora 3D será essencial para auxiliar na resolução de problemas no dia a dia dos seres vivos. A tecnologia chegou ao domínio da medicina veterinária, assim como da medicina tradicional e da odontologia, porém ainda há um longo caminho de grandes conquistas a ser percorrido.


Braulio Cruz

CEO Bravo



0 visualização
 

+55 32 99129-7648

Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil | 36036-630

  • Instagram
  • Facebook

©2019 - 2020 por Bravo Tecnologia 3D. Todos os direitos reservados. CNPJ: 35.944.572/0001-03